Pular para o conteúdo principal

Revolução Industrial

Photograph
Durante a Revolução Industrial, pessoas inventaram teares que funcionavam com vapor …


Hulton Archive/Getty Images
Photograph
Antes da Revolução Industrial, as pessoas fabricavam roupas e outros produtos em …


The Granger Collection, New York
 

A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações na maneira como os produtos eram feitos. Ela aconteceu há mais de duzentos anos e afetou profundamente o modo de vida e de trabalho das pessoas. Antes dela tudo era feito à mão por elas. Todos trabalhavam principalmente em suas próprias casas ou em pequenas oficinas. Durante a Revolução Industrial, equipamentos foram inventados e foram erguidas muitas fábricas. Operários começaram a produzir bens em grande quantidade, usando máquinas acionadas por motores. A força do homem foi em grande parte substituída pela força das máquinas.

A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações na maneira como os produtos eram feitos. Ela aconteceu há mais de duzentos anos e afetou profundamente o modo de vida e de trabalho das pessoas. Antes dela tudo era feito à mão por elas. Todos trabalhavam principalmente em suas próprias casas ou em pequenas oficinas. Durante a Revolução Industrial, equipamentos foram inventados e foram erguidas muitas fábricas. Operários começaram a produzir bens em grande quantidade, usando máquinas acionadas por motores. A força do homem foi em grande parte substituída pela força das máquinas.

A Inglaterra foi o primeiro país em que essas mudanças se deram, tendo o processo começado no século XVIII. Mas em pouco tempo a Revolução Industrial se alastrou para outros países europeus, os Estados Unidos e o Japão.

Avanços

A Revolução Industrial começou na indústria têxtil. Antes disso, a produção de tecidos era um processo demorado. Depois de colhida a lã, ela tinha que ser fiada, para produzir um fio, e então tecida manualmente para formar o tecido. Em 1733, uma invenção chamada lançadeira volante facilitou o processo de tecelagem. Uma máquina de fiar com fusos múltiplos, inventada em 1770, facilitou o processo de fiação. Em 1793, Eli Whitney inventou uma máquina chamada descaroçador de algodão, que ajudava a limpar o algodão depois de colhido.

Foi também de Whitney a ideia das peças intercambiáveis. Até então, um trabalhador que fosse especializado em fazer um tipo de produto passava muito tempo fazendo um único produto à mão. Whitney descobriu que uma máquina podia produzir muitas cópias das partes individuais de um produto ao mesmo tempo; depois disso, as partes podiam ser montadas por qualquer trabalhador. Isso significava que muitos produtos podiam ser produzidos rapidamente. Em pouco tempo, fábricas passaram a ser erguidas para produzir esses artigos.

As fábricas e as máquinas dentro delas precisavam de fontes de energia. No início do século XVIII, algumas pessoas descobriram como construir motores a vapor. No final do mesmo século, James Watt inventou um motor a vapor capaz de acionar máquinas de fábricas.

Em pouco tempo a Revolução Industrial passou a abarcar todos os tipos de produção. Agricultores, por exemplo, começaram a inventar máquinas novas para arar a terra e semear suas plantações.

Com o aumento da produção, as pessoas não demoraram a sentir necessidade de uma maneira de transportar matérias-primas para a fabricação dos produtos, além de enviar os produtos acabados até os consumidores. Isso levou a avanços nos transportes. Robert Fulton aperfeiçoou o barco a vapor em 1807. Em 1825, George Stephenson pôs um motor a vapor sobre rodas e colocou as rodas sobre trilhos. O resultado foi uma ferrovia.

Impacto sobre a sociedade

No final do século XVIII, muitas pessoas não estavam mais conseguindo ganhar a vida no campo. A maioria delas se mudou de fazendas e vilarejos para cidades maiores, em busca de trabalho. As cidades cresceram, mas com frequência eram sujas, superlotadas e insalubres.

Embora as máquinas tivessem facilitado o trabalho sob certos aspectos, o trabalho nas fábricas criou muitos problemas para os operários. As máquinas aumentaram a produção. A produção de bens se tornou mais barata, e os produtos foram barateados. Os donos de fábricas enriqueceram. Os operários, entretanto, ganhavam pouco, e o trabalho muitas vezes era perigoso. Muitos operários trabalhavam entre 12 e 14 horas por dia. Homens, mulheres e até crianças pequenas trabalhavam nas fábricas.

A condição de vida das pessoas piorou. Os operários buscaram, então, conquistar condições de trabalho e salários melhores, organizando-se em sindicatos. Essas organizações ajudaram a criar leis que protegiam os trabalhadores, limitando o número de horas de trabalho e garantindo que os operários recebessem pagamentos determinados.


  • Fonte:
    Revolução Industrial. In Britannica Escola Online. Enciclopédia Escolar Britannica, 2013. Web,
    2013. Disponível em: <
    http://escola.britannica.com.br/article-481567>. Acesso em:
    07 de abril de 2013
    .

Comentários

  1. [...] sobre a Revolução Industrial -  Revolução industrial para 8ª série Esta entrada foi publicada em Capitalismo, Geopolítica e marcada com a tag Capitalismo, [...].

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!
Aproveite e visite o site www.geografiaescolar.com.br

Postagens mais visitadas deste blog

Diário de Classe

IMPORTÂNCIA DO PREENCHIMENTO CORRETO DO DIÁRIO DE CLASSE
O Diário de Classe é um documento oficial da Unidade Escolar e um instrumento de responsabilidade do PROFESSOR com a finalidade de registrar e documentar a frequência e o aproveitamento individual do aluno regularmente matriculado. É também, o documento de controle e confirmação do trabalho do professor e dos alunos. Devido à sua importância, deverá ser preenchido somente pelo professor de forma cuidadosa, sem rasuras e à caneta. ATRIBUIÇÕES DO PROFESSOR REFERENTES AO DIÁRIO DE CLASSE - Preencher o diário de classe de acordo com as aulas ministradas, conforme as orientações estabelecidas no Regimento Interno da U.E.; - Garantir a clareza e a sequência lógica nos registros dos conteúdos de forma que seja possível identificar a relação entre o diário de classe e o planejamento pedagógico; - Lançar os registros diariamente; - Preencher o diário com letra legível, sem erros ou rasuras; - Não fazer registros a lápis no diário…

Como configurar teclado do tablet S3 para acentuar em português

A configuração da capa teclado para o tablet S3 gera muita confusão. Nem mesmo os atendentes da Samsung souberam configurar o produto em loja e o atendimento pelo telefone foi pior, resultado: vamos aprender sozinhos.

Há alguns tutoriais aqui na internet solicitando para instalar um APP que faz uma "gambiarra" onde você precisa digitar certos códigos para conseguir grafar com "ç", "á" "ã" ou qualquer outro acentuação em língua portuguesa do Brasil. Como dira aquelas propagandas tipo "Polishop" (não sei se é assim que se escreve, mas você entendeu), então como dizem os programas deste estilo "esqueçam tudo"!



Vamos direto ao ponto: conecte o teclado físico no seu tablet, entre em configurações depois vá em Gerenciamento geral (onde há idioma e entrada); clique me idioma e entrada e depois clique em teclado físico, posteriormente procure e selecione "Brasileiro". De fábrica o teclado vem selecionado Português, mas isso n…

O conceito de Paisagem, lugar, território e Região

A Geografia assim como outras ciências também possui conceitos que são fundamentais para o seu estudo sendo eles a Paisagem, lugar, território e a Região.

Espaço: No senso comum o espaço denota as estrelas, às distâncias de um lugar a outro, ou ainda, o tamanho ocupado pelos objetos e pessoas. O espaço se constitui de diferentes formas e estas, por sua vez, apresentam alguma relação com as pessoas que o habitam. O exemplo disso é percebido a sua volta a partir da observação dos elementos existentes na sua localidade, próximo a sua moradia, as ruas, as avenidas, as casas, os prédios comerciais, residenciais e industriais os quais apresentam serventia ao Homem. Pelas ruas nos deslocamos. As casas servem de abrigo e moradia, os prédios podem conter lojas e indústrias e nestes se encontram o local de trabalho de grande parte da população.
Lugar: É onde as dinâmicas das relações dos indivíduos são de proximidade e vivências diretas e, ainda, onde cada pessoa busca as referências pe…