DOUTOR É QUEM FEZ DOUTORADO?

O SR. ROBERTO REQUIÃO (PMDB - PR. Pronuncia o seguinte discurso. Sem revisão do orador.) – Presidente, Senador Paim, ontem, nesta t...

Senadores subscrevem requerimento de voto de censura ao Deputado Federal Jair Bolsonaro

Randolfe Rodrigues - Repsodução: TV Seando
Em sua fala no plenário do Senado o senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP) solicita à presidência da casa um requerimento subscrito por ele, pela Senadora Lídice e por outros Srªs e Srs. Senadores de um voto de censura ao Sr. Deputado Federal Jair Bolsonaro. Leia abaixo a fala do senador Rodrigues e entenda os fatos.

"Sr. Presidente, trata esse requerimento de um voto de censura ao Sr. Deputado Federal Jair Bolsonaro. Este senhor, que é conhecido por declarações preconceituosas e racistas, em um evento público no Clube Hebraica, da Zona Sul do Rio de Janeiro, desta vez, passou de todos os limites do imaginável ao afirmar o seguinte – ipsis litteris: "Eu fui num quilombo. O afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas. Não fazem nada! Eu acho que nem para procriador ele serve..."

Eu não devia nem citar isso e, lamentavelmente, não devia nem citar o nome desse indivíduo, mas eu creio que é necessária uma manifestação do Senado Federal em relação a esse atentado à dignidade humana, a esse atentado à diversidade do povo brasileiro, a essa ignomínia – não tem outro nome a ser dito para isso do que uma ignomínia total.

Além de mim, a Senadora Lídice, a Senadora Vanessa Grazziotin, outras Srªs Senadoras e outros Srs. Senadores subscreverão esse voto de censura – Senador Cássio Cunha Lima é uma honra contar com sua assinatura, Senador Humberto Costa. Enfim, estou apresentando à Mesa esse voto de censura e acho, Sr. Presidente, que o Plenário desta Casa deve dar, com urgência, uma resposta.

[O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar recomendou uma censura escrita contra o deputado Jean Wyllys por ter cuspido no deputado Jair Bolsonaro.]

Esse senhor já passou de todos os limites. Não há limite para fascismo. Esse tipo de declaração é uma ofensa à diversidade do povo brasileiro, é uma ofensa ao povo brasileiro. O Senado Federal, como a Casa da Federação, não pode ficar calado a uma ignomínia, a um atentado à formação do povo brasileiro como esse.

Da Câmara dos Deputados eu espero, no mínimo, a instalação de Comissão de Ética, há muito tempo, em relação a esse senhor e o afastamento dele de suas funções parlamentares. Como nós não podemos fazer isso do Senado da República, o mínimo que o Senado pode fazer é repudiar veementemente esse tipo de declaração fascista que nada tem a ver com a dignidade e com a formação do povo brasileiro.

Estou encaminhando à Mesa o voto de censura subscrito por outras Srªs e Srs. Senadores."

Fonte: Senado Federal

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!
Aproveite e visite o site www.geografiaescolar.com.br

Postagens mais visitadas