Meu teste no Facebook




Já falei sobre os testes que circulam no facebook, são muitos e proliferam como nunca. Quando fiz a primeira crítica, eu acabei deixando na minha própria conta e como tudo naquela rede social, quem leu leu quem não leu não vai mais achar, a não ser que tenha tempo para ficar rolando, rolando, rolando… Não há uma ferramenta de busca por palavras-chaves por exemplo, e isso tem um propósito, que você entre sempre no site deles para saber o que fulano, ou ciclano escreveu naquele dia ou naquele momento. O propósito é acompanhar diariamente o site e fazer a alegria dos anunciantes e do próprio facebook é claro… vai vendo…
Voltando ao tema, os testes que as pessoas fazem no facebook, são “engraçadinhos” mas tem um propósito único, na minha avaliação, de capturar os dados e isso inclui a lista de amigos (quem sabe novos futuros dados). 
O facebook até libera um link para você saber o que os sites externos (que te oferecem esses testes e etc.) podem ver em relação ao seu perfil, mas alguém os lê? Você já leu?

 Quando você entra num destes “testes” logado com sua conta do facebook há uma opção para editar o que você permite que o aplicativo possa “ver”. Neste teste específico sobre “o que seu signo tem a dizer sobre você” (além de dizer que você é/foi inocente, por fazer o “teste” cegamente… desculpe eu não resisti em falar isso, eu queria falar outra coisa, mas não quero ser tomado por grosseiro, mas você entendeu né!?). Pois bem neste teste eles “pedem” (e você autoriza) que eles vejam vários aspectos de seus dados que nenhuma relação tem com o teste que você está se submetendo.

Neste caso específico você está autorizando que o aplicativo veja além de sua data de nascimento (que usam para determinar seu signo), suas fotos (eu pergunto pra quê?), sua lista de amigos (que relação isso tem com o teste em si?), além, é claro, de seu endereço de email.
Eu tenho muitas utilidades se tivesse o nome, o email, a data de nascimento e uma base de consumo (através das análises das fotos) de milhares de pessoas e nenhuma delas seria para saber o horóscopo delas.
E o pior de tudo é que isso aqui é igual a mosquito da dengue (eu sei que não existe um mosquito chamado dengue, é que escrevendo assim as pessoas vão entender melhor, espero), voltando… Esses aplicativos são iguais a mosquito da dengue, não adianta eu cuidar do meu quintal se meu vizinho não cuida do dele, neste caso o motivo é simples, “você autoriza” que o aplicativo leia sua lista de amigos, que por obra do destino eu possa estar nela, ou pior você certamente faz parte da lista de amigos de alguém e vai que ele está neste momento fazendo um teste pra saber “que animal você parece?” ou “como será sua aparência daqui 100 anos”.
Par quem é curioso é não sabe ficar sem esses testes eu tenho uma dica: responda tudo com a palavra inocente/ingênuo (ou pode trocar para uma palavra mais forte o efeito será ainda melhor…). Fica mais ou menos assim : 
– Que animal você parece? Resposta: Um animal inocente/ingênuo que entregou seus dados para uma empresa que nem conhece.
– Como será sua aparência daqui 100 anos? Resposta: de um inocente/ingênuo que entregou seus dados para uma empresa que nem conhece.
Mas nem tudo está perdido (ou será que está?) você pode, se gosta tanto, fazer os testes tomando um pouco mais de cuidado, licando na opção de editar e retirar as autorizações, deixando somente os dados de seu perfil público do facebook, já que estes dados já são públicos. Feito assim, se o teste não avançar pergunto, será que vale a pena?
Faça um “teste” compartilhe este post com seus amigos e vejam os comentários deles. 😉




SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado.


*