Pular para o conteúdo principal

Pergunta (ao STF) em tempos de Golpe


Baseado nas palavras de vários parlamentares brasileiros e da presidente Dilma Rousseff, temos instalado no Brasil um governo golpista que ao poder chegou através de um "Golpe Parlamentar". Com base nas evidências de um governo golpista, governo que não representa o voto popular, que não foi eleito democraticamente e, menos ainda, foi escolhido o plano político econômico que está sendo implementado, acho que vale a pergunta:

Posso eu, a partir de agora, pagar todos os impostos devidos ao Governo Federal em juízo até que se restabeleça a democracia em nosso país?

Se a democracia não foi rompida, como querem dizer alguns, eu continuo perguntando: 

Posso pagar todos os devidos impostos do Governo Federal em Juízo, até que todos os recursos contra o impeachment sejam julgados pelo STF?
Em defesa do meu direito de não contribuir com golverno golpista.
#DesobediênciaCivil #LutarSempre

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Diário de Classe

IMPORTÂNCIA DO PREENCHIMENTO CORRETO DO DIÁRIO DE CLASSE
O Diário de Classe é um documento oficial da Unidade Escolar e um instrumento de responsabilidade do PROFESSOR com a finalidade de registrar e documentar a frequência e o aproveitamento individual do aluno regularmente matriculado. É também, o documento de controle e confirmação do trabalho do professor e dos alunos. Devido à sua importância, deverá ser preenchido somente pelo professor de forma cuidadosa, sem rasuras e à caneta. ATRIBUIÇÕES DO PROFESSOR REFERENTES AO DIÁRIO DE CLASSE - Preencher o diário de classe de acordo com as aulas ministradas, conforme as orientações estabelecidas no Regimento Interno da U.E.; - Garantir a clareza e a sequência lógica nos registros dos conteúdos de forma que seja possível identificar a relação entre o diário de classe e o planejamento pedagógico; - Lançar os registros diariamente; - Preencher o diário com letra legível, sem erros ou rasuras; - Não fazer registros a lápis no diário…

Sorriso e Silêncio

A mensagem acima, eu li em um perfil de uma rede social. Fiquei pensando sobre os problemas da simplificação da mensagem que aponta para a ideia de que o silêncio é uma maneira de se evitar os problemas.
Penso que estamos onde estamos por enfrentar os problemas e não evitá-los. As doenças sempre foram um problema para a humanidade e as enfrentamos, a gravidade foi, num passado próximo, um problema e hoje temos satélites em órbita porque ela foi enfrentada e não evitada. 
Na verdade o problema não é, em última análise, o problema. Ademais, quando da existência de um problema, o sorriso não me ajuda muito a resolvê-lo. 
Bons livros, horas de pesquisa e muita dedicação sim, pode me ajudar a resolver um problema.
Sobre o silêncio, outro equívoco, o silêncio não é a maneira de evitar os problemas, pelo contrário, o silêncio pode causar muitos problemas. Vocês lembram do Holocausto? Fruto da loucura de uns e do silêncio de outros.
Uma possível correção da legenda na mensagem acima seria, não fiq…