Comissão barra texto sobre docentes

A Comissão de Educação rejeitou projeto que previa a assiduidade como um dos fatores de progressão funcional para professores. O objetivo do texto era reduzir as faltas dos docentes na rede pública. Mas o colegiado entendeu que o problema deve ser enfrentado com mudanças mais amplas nas condições de trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!
Aproveite e visite o site www.geografiaescolar.com.br

Postagens mais visitadas