Ministério da Educação: Pros e contras

Foto: Reprodução/Facebook
Cid Gomes é o mais recente ministro da Educação do Brasil. O então governador do Ceará, segundo o site sindutemg.org.br (acesso em 26/12/2014), durante greve de professores disse que professor deve ter como motivação para entrar na vida pública, amor e espírito público e que "Quem está atrás de riqueza, de dinheiro, deve procurar outro setor e não a vida pública".
 
Creio que o problema não é o que foi dito e sim em que contexto. Na ocasião, professores em greve lutavam por melhorias de suas condições de trabalho e salarial.

Cid Ferreira Gomes é engenheiro civil por formação e, ao que parece, tem a política como profissão. Foi filiado ao PMDB, PSDB, PPS, PSB e atualmente é filiado ao PROS (Partido Republicano da Ordem Social).
 
Não quero ser pessimista, apesar de muitos estarem contra várias indicações feitas pela presidente Dilma sobre seu "novo" ministério para o segundo mandato. Como diz o sábio povo, em tudo há sempre prós e contras, no caso do ministério da educação há agora PROS que espero não vire contra.
 
Externo aqui meu preconceito para com este novo ministro da Educação do Brasil. Um preconceito que se pauta em declarações feitas, na formação (dura) da engenharia (lembro que o ministério da educação tutela todos os níveis de educação no Brasil) e, sobretudo, na trajetória partidária.
 
Que meu preconceito seja apenas preconceito, ou seja, uma opinião formada antes de ter os conhecimentos adequados. Torço para que eu comece o ano errando em minha avaliação preconceituosa para que a educação do Brasil possa, finalmente, acertar os passos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!
Aproveite e visite o site www.geografiaescolar.com.br

Postagens mais visitadas