Economia de Energia




Vi uma matéria ontem (25) que passou em uma emissora de televisão aberta. Nenhuma novidade nesta matéria.

Sobre a possibilidade de “apagão” e a necessidade de economia de energia, a conta sempre cai no consumo doméstico. E, claro, o consumo doméstico de uma família chamada “classe média” (padrão). Por que o programa não visita uma mansão? Pois assim não teríamos a identidade com a classe media brasileira… Sei… Algum dono de mansão gostaria abrir suas portas para mostrar como trata a energia que usam? Alguém se habilita? Há muitos funcionários desta empresa televisiva que poderia contribuir com a matéria, alguém se habilita?

Por que não analisar o quanto se gasta em energia em uma indústria ou no comercio? Que tal visitar as “lojinhas” de comida rápida no shopping? Melhor, que tal avaliar o quanto se gasta de energia em um shopping? Estou animado com a ideia e vou mais fundo… Que tal analisar o quanto se gasta em energia para manter o Projac (centro de produção da Rede Globo) e toda a parafernália de uma empresa de telecomunicação. E o que estão fazendo para economizar a energia? A água?

Se quiser comparar com o gasto de água, que tal dar uma visitinha nos latifúndios irrigados que plantam produtos destinados ao mercado externo? Veremos que nossa água está sendo levada para outros países. Seus argumentos são a geração de empregos? O aumento das divisas brasileiras? Tudo certo, mas a que custo?




SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado.


*