Diário do Rio Tavares




Quem conhece a SC 405 sabe bem como é trabalhoso transitar nesta rodovia nos horários de pico (cada vez mais longos).

Hoje  à tarde (27) pude observar uma cena inusitada. Uma bola apareceu no meio da rodovia, os carros pararam esperando a criança correr pista adentro em direção à ‘pelotinha’. Contudo, a criança ficou parada no portão com cara bem assustada, talvez com o grande movimento e com todos aqueles carros ali parados.

Alguns instantes depois uma mulher salta do banco do passageiro de seu carro e com um gesto rápido lança a bola para a criança que continuava parada, frente ao portão de sua casa.

O que chamou atenção?

Durante toda ação não se ouviu nenhuma buzina ou algum tipo de reação que condenasse a  atitude daquela senhora. Parabéns para quem pegou e devolveu a bola e também para os motoristas que, mesmo saturados de fila no trânsito, esperaram com toda paciência.

IMG_20140127_183407131_HDRIMG_20140127_183409794

Mas a SC 405 mostra outras realidades, estes motoristas são minorias, mas eles existem e irritam pela covardia das ações.

Dois minutos depois do episódio da bola, uns 500 metros à frente, um flagrante da estupides humana. O motorista do carro (vermelho) que deveria ir pela fila do meio, cruza a faixa dupla contínua para “ganhar tempo” às custas de quem pacientemente espera na fila.

IMG_20140127_184129869_HDR




SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu e-mail não será publicado.


*