Proposta inclui empreendedorismo no currículo escolar

A Câmara analisa o Projeto de Lei 1673/11, do deputado Ângelo Agnolin (PDT-TO), que inclui o tema empreendedorismo no currículo dos ensinos fundamental e médio. A proposta altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – Lei 9394/96).

Pelo texto, será obrigatória a abordagem do tema em diversas disciplinas. No ensino médio, o assunto também poderá ser tratado em disciplina específica e optativa.

“A escola é um espaço privilegiado para o estímulo a habilidades como criatividade, capacidade de organização e planejamento, responsabilidade, liderança, visão de futuro, interesse por inovação e persistência”, afirma o autor da proposta.

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo (Rito de tramitação pelo qual o projeto não precisa ser votado pelo Plenário, apenas pelas comissões designadas para analisá-lo. O projeto perderá esse caráter em duas situações: - se houver parecer divergente entre as comissões (rejeição por uma, aprovação por outra); - se, depois de aprovado ou rejeitado pelas comissões, houver recurso contra esse rito assinado por 51 deputados (10% do total). Nos dois casos, o projeto precisará ser votado pelo Plenário.), será analisado pelas comissões de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: 'Agência Câmara de Notícias'

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!
Aproveite e visite o site www.geografiaescolar.com.br

Postagens mais visitadas