11 de dez de 2018

FIM DA GOOGLE+



O Google anunciou nesta segunda-feira (10) que vai antecipar o fechamento definitivo da rede social Google+ para abril de 2019 após ter detectado uma nova falha de segurança, que expôs dados de mais de 52 milhões de usuários.

Segundo o vice-presidente de gestão de produtos da Google, David Thacker "Com a descoberta deste novo erro de software, decidimos acelerar o encerramento do Google+ de agosto para abril de 2019". 

"Apesar de reconhecermos que há implicações para os desenvolvedores, queremos garantir a proteção de nossos usuários. Começamos o processo de notificar os afetados pela decisão". Concluiu o vice-presidente.

Nomes, endereços de e-mail, emprego e idade de mais de 52 milhões de usuários foram expostos a desenvolvedores por um erro do sistema do Google+, mesmo que a conta fosse configurada como privada. Erros deste monte já afetou outras redes sociais e esse é visto com grande preocupação pelos usuários e investidores.

Apesar da rápida atuação dos engenheiros da Google, as informações ficaram expostas entre 7 de novembro, quando o Google lançou uma atualização com o erro, e o dia 13 do mesmo mês, data em que o problema foi detectado e corrigido, contudo o estrago já estava feito.

O Google+ foi lançado em 2011 e nunca conseguiu cumprir seu objetivo original, que era competir com o Facebook. Confesso que acho esta rede social melhor e mais interessante que a concorrente azul, mas na internet as resistências às mudanças são muito fortes e esta é a dificuldade que a Google enfrentou para emplacar sua própria rede social.

Se eu pudesse ser ouvido pela gigante Google eu diria #FicaGoogle+

E você? Já usou a rede social Google+? Gostava dos recursos que ela disponibilizava?

9 de dez de 2018

O (problema é o) patrono da educação brasileira?





7 de dez de 2018

O QUE NÃO FOI DITO SOBRE O ESCOLA SEM PARTIDO





5 de dez de 2018

Reunião do Escola sem Partido começa tensa


2 de dez de 2018

Ubuntu: somos todos um só


Bate Papo Rápido